Na famosa feira hippie de Belo Horizonte!

Estive rapidamente em Belo Horizonte nesse final de semana a convite do Griffe Show, evento de moda off price de BH (e que vai render um post em breve!). Eu amo Beagá, visito frequentemente a cidade há uns 7 anos, sempre encontrando e matando saudade de amigos queridos e aproveitando para passear, botecar demais (não perdemos uma edição do Comida di Buteco!) e, claro, visitar a loja do estilista Ronaldo Fraga (virou tradição!). Sempre que eu vou às alterosas não deixo de dar uma passadinha na famosa Feira Hippie, localizada na Avenida Afonso Pena!

A feira hippie existe há 41 anos e possui mais de 2500 expositores. Ela tem uns 4 km de extensão e é dividida em categorias: artesanato, decoração, enxoval para bebê, bolsas, acessórios, sapatos, e a parte final que é tipo a praça de alimentação, onde uma galera do Brasil inteiro para um pouco para comer um acarajé, degustar um espetinho ou a famosa porção de fígado com jiló. Acontece somente aos domingos e é sempre bom chegar de manhã cedinho, já que muitos expositores recolhem suas barracas por volta das 13h. Vá com dinheiro, mas grande parte aceita cartão e até cheque!

Não é moleza: para circular entre as muitas barraquinhas, com taaaaaaanta gente, é preciso estar munido de uma dose bizarra de disposição, paciência, calma (vai ter gente empurrando, vai ter muvulcada de gente olhando a mesma barraca, mal dá para experimentar as coisas), garrafinha de água mineral e roupas leves. Muitas vezes se vê mais do mesmo, então tem que passar por todas com um olhar apurado e saber o que quer procurar. Mas vale a pena! Dá para comprar cintos de couro por 10 reais, dos mais variados tamanhos, tipos e cores; sapatos a 35 reais, sapatos de festa mega baratos, bolsas para festa por 25 reais, bolsa da moda por 70 reais, carteiras estampadas, de palha, coloridas; fora as bijuterias que podem ser garimpadas a partir de 5 reais! Durante anos eu abastecia meu armário com bolsas exclusivamente da feira…já até comprei carteiras de festa lindas e forradas por inacreditáveis 10 reais. O paraíso das pechinchas!

A minha companheira nessa saga foi a Camila, do Sim, Senhorita! Aproveitei para clicar vários achadinhos: tem carteiras com estampas zigue-zague, espadrilles com estampa de poás e até de glitter prata e dourado, fora o festival de cintos! Tem largo, com fivela grande, fininhos nas mais diversas cores (comprei um turquesa e um dourado, os dois de couro, por 10 reais cada!), tressê, fluo…

Passeando mais um pouco, avistei bolsas tiracolo com franjas, que estão super em alta. Quem quiser garantir a sua em BH, comprará pela pechincha de 65 reais. Eu e Camila até flagramos as double cuffs, outra aposta da moda, que são aqueles braceletes estilo She ra (hahaha) fazendo par em cada punho! Mas essas eu achei meio carinhas, 25 reais cada uma…

Chegamos na parte das bijuterias e foi uma diversão! Saímos procurando as barraquinhas com placas de tudo a 5 reais e fizemos várias comprinhas mega baratex!

Logicamente encontramos algumas coisas de gosto duvidoso, hehe, mas também tinha muuuita coisa legal! Na barraca de 5 reais TUDO dava pra levar colar, pulseira, anéis e brincos por essa bagatela. A Camila, que tem conhecimento e olho clínico, pescou dois maxi brincos estilo Prada para incorporar nas produções. Eu achei divertidíssimo e resolvi me aventurar comprando dois brincões Joelma do Calipso feelings! hahaha! Aliás, para quem quiser comprar alguma tendência de moda que a gente saca que vai ser bem passageira, nada como pagar barato pelas peças em questão nessas feiras e bazares. No caso dos brincões, se a gente enjoar deles ou se a moda passar num piscar de olhos, o prejuízo terá sido bem pequeno.

Então #ficadica: quando for a Belo Horizonte, não deixe de dar uma passadinha na querida feira hippie para prestigiá-la! 🙂 A feira tem até site!

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

33 comentários

  1. Fazia tempo que não passava por aqui, amo amo amo essas feirinhas, em qualquer lugar do mundo que já fui, inclusive já fui em uma que acontece no centro de BH no domingo de manhã, maraaaa. Beijos =*

    1. Ana Carolina respondeu Larissa Banister

      Oi Larissa…a feira em questão é essa do post de hoje! rs

  2. Rose comentou:

    Oi, Ana , há 3 anos comprei nessa feira uma bolsa de couro pequena, de mão, por R$30,00!!! Achei que não ia durar, mas está ak até hoje,rs.

    1. Ana Carolina respondeu Rose

      TUDO que eu comprei nessa feira tá durando até hoje ou durou horrores! Tem q pesquisar, mas a maioria é coisa boa!

  3. Mirella Consuelo comentou:

    Ahhhh, tô me coçando de vontade de ir nessa feirinha !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  4. Juliana Passos comentou:

    Ameiiii o post!
    Feira Hippie é demais! Eu amo BH!!!!
    Beijo!

  5. Ah Ana… Cada vez que volto para BH sempre escolho as passagens de maneira que eu passe um domingo para poder ir à feira…risos…
    Tenho MUITASS coisas de lá e duram mesmo…
    Da penúltima vez comprei uns anéis de “marcassita” que cada vez que uso aqui em Buenos Aires o povo me pergunta de onde é. Daí, da última vez que fui comprei vários e dei de presente… quanto custou? 5 reais… kkkkk…
    Por sorte, os presenteados não lerão este comment….kkkkkk
    Besos de Buenos Aires
    Dani Regis

  6. paula comentou:

    Ana, esse post me deixa até com culpa pela minha preguiça, pois sou de BH e fico anos sem ir à feira… Vale a pena demais mesmo, mas e a preguiça? hahahaha! O melhor é chegar umas sete e meia NO MÁXIMO, pois oito e meia, nove horas da manhã já está impossível…

    Que horas vc foi???

    1. Ana Carolina respondeu paula

      Eu sempre vou no horário de pico, dessa vez fui 9h30, rs! Eu fui ao mercado municipal mais cedo! 🙂 Beijos!

  7. Olá, Ana!
    Adorei conhecê-la!
    Você tem uma energia muito boa!Espero revê-la em breve! 😉
    Quanto aos achadinhos da Feira, gostei de todos!Alguns eu também levei como os cintinhos coloridos. Quaaase levei esses braceletes lindos,mas a moça não aceitava cartão e eu já não tinha mais $$$ =/
    Depois volto lá!

    Até a próxima!
    Beijos,

    Carol

  8. Caroline Chaves comentou:

    Olá, Ana!

    Sempre vou a feirinha… Compro muita coisa bacana por lá! Essas carteiras estão lindas, comprei uma dela neutra e da próxima vez levarei uma colorida! 😉
    Os braceletes são perfeitos! Sou fã da feirinha, pois dá pra “andar” na moda sem gastar muito!

    Ah, o Comida di buteco é mesmo imperdível! Todo ano estou lá! 😉

    Beijos!

  9. Olá Ana, tudo bem?
    Feira hippie é tudo de bom, né?
    Fui lá no fim de semana passado. Um antes de vc. E olhei essas mesmas bolsas de franja. Ai, que vontade de comprar! rsrs
    Mas resisti…vou esperar mais um pouquinho ainda….
    adoro o blog, está a cada dia melhor.
    Eu queria fazer uma entrevistinha com vc pro meu blog, sobre lojas de departamento. Vejo nos posts que vc anda sempre ocupada e correndo. Mas, se um dia rolar um tempo, me fala?
    eu posso te mandar um e-mail?
    Obrigada!

    1. Ana Carolina respondeu Marília Corradi

      Marilia, claro! Manda email pra mim! beijão!

  10. Simone H comentou:

    Não acredito! Eu dei um pulinho nessa feira ontem mesmo… Fui pra BH participar do FIQ!, que foi na Serraria, a 2 quadras dali.
    Andei pouco pela feira, já estava aguentando aglomeração de gente desde sexta-feira no evento… achei mais tranquilo descer as escadas e caminhar pelo parque municipal (muito bonito, por sinal). A dose de paciência já estava esgotada.
    Que pena que não te vi por lá, com certeza iria pedir pra tirar uma foto contigo. Já faz meses que te acompanho no blog =)
    De toda forma, em termos de feira estou bem servida na minha cidade, Curitiba. A Feira do Largo da Ordem é excelente, 100% recomendo! É no mesmo estilo da feira de BH.

  11. Vanessa comentou:

    Que feira legal!!! pena que é tão longe! =/ Vale a pena ir com bastante dindin e comprar um monte de coisas!! e ainda da pra trazer presentes legais com preçinhos ótimos!! hehe Quero um dia conhecer!! Valeu a dica.

  12. Mariana Cecília comentou:

    Oi Ana!

    Nossa, a feira hippie é o OH do BOROGODÓ mesmo!
    Toda vez que vou lá meu bolso passa mal. kkkkkkkk
    Gosto das bijuxs.
    Aproveitando, parabéns pelo trabalho.
    Bjim de beagá!

  13. carol comentou:

    Gente que saudade da feira!!!! Adoro esse lugar!!! Tem de tudo e o preco ainda continua bom. Ja fui em todos os horários possíveis, ate depois de balada =) e posso dizer que as ultimas vezes deixei pra ir bem tarde, tipo meio dia! Da pra ir tranquilo esse horário, a única coisa que fica mais complicada de achar sao sapatos nos números que mais saem tipo 37 e 40 mas o resto eu acho tranquilo!!!

    Adorei o post!

    Beijocas

  14. Oi Ana!
    Obrigada pela menção honrosa, rs! Amei o post, vc disfrutou da feira por mim. Já estou com saudades de passar calor entre as barraquinhas, rs! Bjs

  15. Luisa comentou:

    Oiiii Ana, vc lembra o preco da bolsa de franja?! Ela e de couro?!
    Beijinhos

  16. Amanda Guimarães comentou:

    Nossa que sonho, pq não tem uma feirinha dessas aqui no RJ ai ai. Sonhoooo
    Bjaoooo….
    Amo seu blog!!

  17. Ana!

    Cadê nossos colares de 12 dilminhas??? Menina, arrependi, quero o laranja tb, acho que vou a feira domingo que vem, pena que nao terei cia!

    bjos

  18. Patricia Marquis comentou:

    Que legais as dicas, a feira de BH é uma loucura mesmo!
    Também estive em BH esse fim de semana e te vi sentadinha num café no aeroporto de Confins no domingo, fiquei com vontade de ir falar contigo mas tava morrendo de vergonha e nem fui. Fiquei com medo de parecer a fã histérica, hahahaha!
    Ah, vc estava super elegante por sinal e seu make tb tava lindo =)
    Beijo!
    Paty

  19. Ai Ana, vou à BH neste finde e vou ter que dar um jeito de passar nesta feirinha rsrsrrsrs

    bjs

  20. Silvia Salgado comentou:

    Eu também sou apaixonada com a Feira Hippie!

    Já tem anos que monto meus looks com coisinhas de lá, que não se resumem a bolsas, cintos e bijus, fiquem sabendo! (mas confesso que sou viciada com a parte de bijus)

    Tem muita roupa legal, tbm. É claro que tem que garimpar. Tem muuuita coisa igual e mal feita… Mas se vc tiver paciência sai de lá com coisa super originais e baratas.
    Minha mãe tem uma barraca de lingerie lá. As coisas são lindas e baratinhas… Vendemos horrores lá!

    O triste é a campanha constante da Prefeitura de BH para acabar com a feira, que é maior da América Latina. Mudá-la do centro. Desestruturá-la, tirando os feirantes antigos, que construíram a feira, e suas vidas baseadas nela…

    Posts como estes nos deixam orgulhosos e fortalecem nossa certeza de que o que temos não é uma simples feira, mas um Patrimônio Cultural de nossa cidade, reconhecida por gente de todo Brasil, e por isso, devemos lutar por sua conservação.

    Não quis fazer um depoimento político aqui. Que fique claro! Amo o Blog, adoro moda, e sou fã de coisas baratas e bacanas… Por isso passo sempre aqui pra me inspirar.
    Mas achei que cabia pontuar a questão…
    Desculpe se, por acaso, eu tenha feito mal uso do espaço.

    Ah, no meio da feira tem uns pastéis maravilhosos!
    Os anéis de 5 reais desbotam na primeira usada, não valem à pena. Mas os colares… ahhhh, são uma pechincha, super atuais e não desbotam tão facilmente. #ficaadica!

  21. alcineia comentou:

    e trabalho la tenho orgulho la e tudo bom barato de qualidade mas nao tem valor o nosso trabalho mas pra quem aqui fora compra de marca compra no maior orgulho achando que ta levando qualidade sendo que ta pagando so nome a qualidadeta no bolso do dono da multimarca mas e assim o rico engana os bobos com uma etiqueta e fica cada vez mais riiiiiiiiico e o pobre mais otario gente de valor para o artesao ele faz o trabalho na mao oa multimarca tem seus 300 empregados e suas 600 maquinas de ulma geracao enquanto isso o artesao nao pois a prefeitura nao deixa o rtesao ter mais do que um funcionario bh noa tem nada de interesante a lagoa da pampaulha fede e um esgoto vc vai na feira vc ve tanta coisa deferente que vc se surpriende bom e isso deus abecoie nossa minas gerais e a feira de arte e artesanato variedades ou seja siples feira [email protected]

  22. Dani Soucasaux comentou:

    Aninha !!! Pára tudo !!!!!!!!!!!! Que feira paraíso é essa!?!?!!?! EU QUERO IR !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Adorei e ficaria ENLOUQEUCIDA lá !!!! hehehehe
    beijos

  23. Do Carmo comentou:

    Eu amo a feira. Conheço desde que era na praça da liberdade. Sempre fiz boas compras e atualmente vou comprar pra revender e ganhar dimdim. Me interessa couro e biju….vai ser novidade por aqui. bjs….

  24. Olá!
    Acabei de achar seu blog, e adorei tudo.
    Os comentários sobre a Feira (que não é uma feirinha e sim uma feira enooorme, com + – 2500 pontos de venda), são muito carinhosos e me deix orgulhosa,
    Muito obrigada por levar o nome da nossa feira pro mundo, digo nossa, porque trabalho nela já 33 anos.
    Concordo com vocês quando dizem que tem que garimpar ( infelizmente).
    Quando vier aqui, passe no meu ponto de venda, são camisetas pra você dar de presente com temas mineiros.
    Um abraço e parabéns pelo blog!

  25. karine comentou:

    Boa noite; gostaria de saber se há em porte menor esta feira em outro dia da semana; é que não estarei no domingo…grata