Festa de um ano da Nina: sem gastar com roupas

Nina fez um ano e eu nem acredito que sequer escrevi sobre o parto dela aqui no blog, hahah, ai instagram…você roubou mesmo minha audiência e até meus registros que viriam primeiro pra cá! Aguentem aí que escreverei sobre essa experiência surreal hahaha

Bom, Ninoca aniversariou e eu tenho um orgulho danado de estar firme e forte nas minhas convicções. Nunca usou sapato, tem pouquíssimas roupas – sempre tivemos parceria também com guarda roupa compatilhado de nenéns –, nunca coloquei um laço de fita nela (não acho necessário, assim como brincos, marcadores de gênero)…e no aniversário dela, usou uma roupinha desse esquema circular para bebês, não gastamos com nada novo!

Até a festinha foi do jeito que eu sempre quis, em casa, com enfeites simples mas que retratassem o mundinho dela, o mundo do tamanho de uma volta no quarteirão, com todos os personagens da vizinhança que ela adora: os papagaios que vêm de manhã e tarde falar com ela, os cachorros esbaforidos do vizinho da rua de baixo, os pássaros, os gatos que fazem maior arruaça, ahaha, os peixes do laguinho da casa da outra rua…todos do mundo da Nina, esse universo tão cheio de sentimentos. <3

Nina estava com roupa de economia circular e eu também passei essa comemoração a três, só nós, com um vestido que era da minha amiga. Quando ela me ofereceu, eu confesso que aceitei mais pela marca – da finada maria bonita extra –, porque ele não era meu estilo, muito romântico, saia rodada, cor pastel.

Ahahaha, só aqui no blog que eu subo essa foto, descalça, com tapete guardado debaixo do sofá, ahahah, mas no dia não tirei foto bonitinha com o vestido, uma pena.

Bom, voltando à história, minha amiga ofereceu esse vestido que não servia mais nela, eu aceitei. Eu não animei na hora, estava meio larguinho em mim, depois achei que não rolava, até separei para enviar pro enjoei.

Maaasssss, ganhei um corpinho nessa maternidade, fui olhar minhas coisas outro dia, vi o quanto ele era bem executado, resolvi provar….e ele serviu super bem. O caimento é maravilhoso, a saia tem um balanço incrível, eu preciso fotografar melhor para vocês verem! Impecável, e eu acho também que meu cabelo tem contribuído para suavizar tudo, então achei que ele ficou ótimo com esse novo visual!

Resgatei os brincos que eram da minha avó, antigos pra caramba, e foi assim que comemoramos um dia tão especial. Cansados por estarmos isolados e sozinhos há um ano, a casa cheia de coisa pra fazer numa recém mudança, mas felizes por estarmos cuidando desse serumaninho incrível que é a Nina!

Fiquei feliz por não precisar comprar vestido, gastar com isso, nem com nada pra Nina. Porque isso não importa, não mesmo. Foi lindo ter um novo olhar pro que eu já tinha. Foi lindo vestir memórias, uma roupa de uma amiga tão querida, quando momentos assim sempre remetem ao consumo, nós conseguimos mostrar o valor de sermos quem somos, sempre.

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus: