Link de quem se desapegou e está feliz!



Esse post rodou a internet e eu só vi agora, como pode! Sabe o que comentei nessa terça sobre desapegos e práticas de consumo consciente? A Adri, do Pequenina Vanilla, levou 10 meses nesse processo de desapego e conseguiu “se livrar” de 70% do que tinha antes! O post fez sucesso pela quantidade de roupas que sobraram – isso deixaria muita menina tensa, hahaha!

desapego

Ela explica quais foram as prioridades e como ela foi percebendo que esse era o melhor caminho para ter uma vida mais descomplicada e feliz, leve! 🙂 E não, gente, ela não está sem roupa e nem vai sai comprando tudo de novo! Achei o máximo!

Eu estou no processo há alguns meses e minha meta é me desapegar mais e mais, já estava deixando engatilhado o “Diário do Desapego” que entra no ar essa semana no blog e essa foto só me motivou! Uma dica do que estou fazendo é deixar algumas roupas de castigo, hehe, dentro de uma mala e se eu não lembrar mais delas em alguns messes, doo!

Adorei, Adri! 🙂

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

17 comentários

  1. Juh comentou:

    Que bacana o poster da Adri também o seu Ana.Gente!é bom ver que no meio desse consumismo de colesções e modinhas ainda existam pessoas que queriam fazer diferente(-:

  2. Lu Lacerda comentou:

    Ana,

    Há pouco tempo também fiz uma limpa no armário, tirei tudo: roupa usada, roupa nova nunca usada, sapato, chinelo, biju, bolsa, tudo o que não era mais usado, o que não tinha mais nada a ver comigo e coisas que jamais iriam ver a luz do sol na minha companhia. Não satisfeita continuei a faxina: separei livros, revistas, papéis, pratos, vasilhas, roupas de cama e banho, eletrodomésticos. Tudo foi descartado ou doado. Depois conversei com o maridão e ele também praticou o desapego, sem medo de ser feliz: deu mais uma sacola enorme para doação. É tão boa a sensação…Parece que vc trocou uma mala pesada, confusa e cheia de tralha por uma mochila só com coisas essenciais e que te fazem bem para continuar sua jornada mais leve e mais feliz. Desculpe o texto enorme, mas foi para compartilhar o bem estar que faz praticar o desapego, seja em que nível for, para deixar de lado aquilo que não acrescenta coisas boas na vida da gente.

    Bjo,
    Lu

  3. Eu também estou tentando fazer, mas em partes… kkkkk

    bjsssss

  4. Eu adoro praticar o desapego. Detesto a sensação de ter mais coisas do que consigo usar. Guardo todas as minhas coisas em apenas duas portas de guarda-roupa e acho que é suficiente. Inclusive, já estou precisando fazer mais uma arrumação e ver o que está parado, sem uso. Beijinho!

  5. Viviane Moreira comentou:

    Eu vivo fazendo limpas no armário, o problema é que como há meses não ando comprando nada de nada, tenho ficado meio sem roupa…. mas com isso eu também descobri umas roupinhas que eu tinha esquecido, sabe quando disse que ia passar o ano novo de vestidinho antigo? Pois não é que numa dessas limpas do armário eu achei aquele vestido branco e azul da Hering (mandei a foto pra vc, lembra? Paguei R$59,90 em promoção!) jogado num cantinho? Só preciso fazer a barra e pronto! Tenho roupa nova pra passagem do ano!!!! Heeeeeee!!!!!! 😀 😀 😀
    Pena que eu não achei um sapato, uma calcinha…. hahahaha 😛

  6. Bruna comentou:

    Super legal essa iniciativa. Quero muito fazer um super destralhamento no meu guarda roupas esse final de ano pra começar 2014 com energias renovadas.

    Já estou ha 3 meses sem comprar e meu objetivo e passar um ano sem comprar nadica de nada. Hoje em dia nem vontade de ir as lojas eu tenho. Mas curto acessar blogs de moda como o seu pois, além dos looks você escreve coisas interessantes e relevantes.

  7. Já tinha lido e compartilhado esse tal post. Cara, se eu te disser que tenho menos roupa que ela, acredita? É possível, sim. Mas no meu caso tá até faltando, rs. O processo de engorda-emagrece sempre me atrapalhou bastante. Mas agora tem um lado bom: comprei, tô usando, não tem como guardar, porque quase não tem roupa, rs. Dou a maior força para o desapego e já fiz post sobre isso aqui, ó: http://loucadebatom.blogspot.com.br/2012/11/para-um-feriado-chuvoso.html
    Beijocas, Ana!

  8. luciana comentou:

    Noossa, muito bom pra gente, para o meio ambiente e para o mundo reciclar nossas roupas! Doar e esvaziar nossos armários para que só fique oque dá alegria! Eu faço sempre isso. Gosto mesmo! Tô super empolgada com o projeto de armario embutido q fiz pro meu quarto e que deve ficar pronto em Janeiro, pq vai ser mais uma oportunidade de “fazer a limpa” no meu guarda-roupa! Que em 2014 sejamos mais leves e com mais consciência para substituirmos consumo por auto-estima como dizem as meninas do “Oficina de Estilo”. Beijocas!

  9. Juh comentou:

    Assim que vi o comentário da Bruna e da Vivi lembrei de mim mesma,tenho atidudes e pensamentos parecidos com vocês. Também tomei médidas+concientes prá my life,rs!faz um tempão e só tive a ganhar com essa mudança.KISS!

  10. Silvia comentou:

    Como eu emagreci uns quilos esse ano, tenho algumas roupa que estão largas e outras que até vestem, mas não combinam mais com meus estilo, talvez ficassem melhor em mim mais gordinha. Como dá aquele medo de me desfazer de tudo e depois engordar e precisar comprar roupa, vou botar numa sacola, guardar e esperar alguns meses pra ver se consigo manter a rotina de exercícios e alimentação saudável. Quando me sentir segura doo todo.

  11. Fernanda comentou:

    Ana, me avisa se vc. se desapegar da blusa de bolinha clara da Maria Filó pra C & A? Eu quero! bj.

  12. May Fernandes comentou:

    dei uma super avaliada no meu estilo e descobri que nao tem jeito, sou muito classica. nos fins de semana, camiseta. e ponto.
    eu tinha coisas demais. desde o começo desse ano tenho nao só tirado o que nao uso e feito doações ou desapegos, mas tambem renovado o guarda roupas com peças de mais qualidade, de melhor caimento e que eu de fato consiga combinar com peças que ja tenho.
    tem sido um exercicio constante e cansativo, muitas vezes vemos pecas super tendencia (um exemplo sao as colecoes da cea…) e queremos comprar, mas precisamos fazer escolhas mais conscientes. preciso que meu dinheiro renda para realizar meus sonhos, pra isso é necessário pensar antes de comprar e lembrar que o ser é maior que o ter.

    beijos ana!

  13. mariana comentou:

    Olha, pq a gente compra, compra e sempre tem a sensação de que não tem roupa? Estou claramente fazendo algo errado. Vou fazer a limpa do armário para identificar as falhas e reais motivações por trás das minhas compras….

  14. Fiz uma limpa no meu armário há um tempo atrás e está sendo maravilhoso! Facilita muito na hora de me arrumar, consigo manter tudo arrumadinho e finalmente consigo usar tudo que eu tenho!
    Hoje em dia penso mil vezes antes de comprar uma peça, sigo todas as dicas que eu aprendi e aprendo a cada dia aqui no blog da Ana e hoje posso dizer que sou muito mais feliz! E o melhor de tudo é que depois que me tornei uma pessoa mais consciente e menos consumista, dá até pra guardar um dinheirinho!
    Menos compulsiva e mais feliz! =)

    1. Ana Carolina respondeu Rose Ferreira

      Ai Rose, que lindo ler isso! <3 Que amor! Fico feliz demais por vc!!

  15. Jac comentou:

    Olha Ana, eu sempre doo coisas. Faço isso mais ou menos de 3 em 3 meses, mas mesmo assim a gente tem é coisa!
    Na minha ultima geralzona na casa (gosto de aproveitar feriadões pra tirar 1 ou 2 dias pra isso, pq aí ainda tenho uns 2 pra descansar!)esvaziei minha casa de simplesmente 17 (dezessete) sacos de lixo de 50litros! Isso só de coisas q foram pra lixeira – louça rachadinha, copo de plastico q tá fosco e embaçado, sabe como?! Papelada, fantasias de escola, caderninho de filho q vc nunca mais vê… almofada velha, carregadores, caixas de aparelhos (q o marido insiste em guardar!) Isso só de coisa q nao presta pra nada… fora o que saiu para doação, q foi pra outras casas.
    Só posso te dizer q a gente fica muuito mais leve e arruma a cabeça tb. Parece q a bagunça externa compromete a arrumação interior e vice-versa. Agora em dezembro já to fazendo outra, nos closets meu e das filhas. Adoro! Cada vez tenho menos, preciso de menos e sou mais feliz! Quando começo essas arrumações, nao consigo parar! Uma coisa puxa a outra, q puxa a outra… vc ataca a despensa, a cozinha, os banheiros… e quando viu, sua casa tá muito mais bonita. Até os filhos reparam como o espaço aumentou e clareou. Fica a lição pra eles desde pequenos, o que também é ótimo. Tanto a lição do desapego, como a de ter menos, arrumar a casa, não entulhar o quarto e a vida.
    Mas leva tempo pra chegar aqui. Como tudo na vida, é uma caminhada…
    Pra quem tem esse mundo de roupa como vc, não é tarefa fácil não… rsrs
    Um bj bom

    1. Ana Carolina respondeu Jac

      hahaha, não é fácil mesmo Não, mas é um processo! To aqui arrumando mais e limpando mais o armário! Já separei 7 sacolas enormes e agora vou pros sapatos!! uhuuuuuu!