Maratona de moda


Ana veste:Blusa Cantão – armário da mãeShort Blanco Jeans – 9,90 eurosCinto Farm no Bazar Bom Demais – 22,00Bolsa Farm no Bazar Bom Demais – 62,00Faixa Alice Disse – 24,00Sandal boot Espaço Fashion – presente da marca
———————————-
Amanhã começa a maratona de desfiles no Fashion Rio e você vai ler e ver em 500 mil veículos de comunicação, sites, revistas, jornais e blogs sobre essa semana de moda.
Claro que a grande maioria curte, se interessa, acha glamouroso, interessante, um bom exercício de observação ou apenas um ponto de badalação. Para outros é trabalho e uma correria enorme pra dar conta de tanta informação e desfile.
Eu lembro a primeira vez que consegui entrar no Fashion Rio, ainda quando era na Marina da Glória (para quem não sabe, só entra com convite). Um colega da minha mãe era cheio dos conhecimentos e nos colocou dentro de vários desfiles, sem precisar entrar na fila! hahahaha!Hoje em dia eu consigo um ou outro convitinho por conta do blog, bem melhor assim, hehehe!
Mas o que eu sempre questiono nessas semanas, é: até onde vai o interesse de quem me lê pelo que eu vi ou fiz nesses eventos? Por que né, ao mesmo tempo que tem gente que gosta de ver a badalação de quem foi, também tem o lado de quem não tá afim de saber se eu bebi champagne ou se entrei no espaço do jornal XYZ e fofoquei com alguma global.
É invevitável deixar de comentar alguma coisa que se viu nos desfiles ou que gostou. Mas acho importante manter a identidade de quem escreve pra um blog de estilo pessoal, com um público muitas vezes interessado numa tradução para a moda real. Então, o que eu quero deixar combinado é que só comentarei o que for necessário ou relevante. Colunismo social é algo que não precisamos ver por aqui, certo? 😉
E, aproveitando a deixa, PRECISO MUITO, dividir com vocês o texto maravilhoso publicado no facebook das meninas do Oficina de Estilo. Ele traduz perfeitamente o que quero dizer com esse texto. Acho errado reproduzir texto alheio no nosso blog, mas esse merece – e muito! – ter trechos colados aqui para que vocês sintam o que estou dizendo e confiram na íntegra na página da Oficina:
“Mais uma temporada de desfiles tá começando e a gente tem uma oportunidade e tanto: a de melhorar visualmente o mundo com as idéias que as passarelas oferecem. Quanto mais autêntica a gente resolve ser, mais variado/diversificado fica o mundo dos looks. Isso seria o inverso de se vestir igual à referência,”
Então desfiles (e referências de todo tipo) acrescentam chance da gente exercitar escolhas, personalidade própria, criatividade e – super importante – brasilidade.”
Vamos fazer a nossa parte? Olhar pra dentro e devolver inspiração?”

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus: