Quando não tem ninguém olhando

Vocês não sabem, mas quando não tem ninguém olhando (hehe) eu uso algumas coisas sequencialmente, em um looping infinito. Isso acontece em semanas que exigem muita concentração e tempo no trabalho, quando estou sem paciência para pensar ou apenas nos momentos em que eu só preciso ser prática e ir ali resolver algum lance, beber uma cervejinha com os amigos na esquina, essas coisas que não exigem nada elaborado.

Esse vestido é um dos meus novos vícios do guarda-roupa para preencher com maestria os requisitos de bonito e eficiente, é só vestir e tô pronta. Até tiro onda com meu marido quando é assim, pois fico pronta antes dele para sair, um milagre! hahaha! Pois bem, nesse dia eu usei o look da quinta-feira passada, sem o cinto, com o tênis da sexta e é isso, aí, sem muitas novidades, hehe!

Mas a boa notícia é que baixou um santo aqui na pessoa e já deixei separados os looks do resto da semana! A partir de amanhã, prometo. 😉

vestido-totem-3

vestido-totem

vestido-totem-2

Vestido Totem – 100,00
Tênis Adidas – 75,00
Bolsa Asos- 100,00
Anel Zellig – 15,00
Brincos Zellig – 20,00

fotos: Ju Araujo – clique nas fotos para ampliá-las!

Que diferença sem o cinto, né? Eu achei! 🙂 Aliás, amo esse tênis, que substitui com conforto os Converse, que cismam em destruir meus pés!

E adoro subverter padrões do tipo: vestido com sapatilha. Dá pra gente variar, então a gente varia!

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus: