Vaporizador de roupas, vale a pena?

Eu tenho um histórico de queimar roupas por distração e ansiedade. Antigamente eu vivia atrasada, na correria, e escolher roupa e passá-la nos 48 do segundo tempo era uma rotina que muitas vezes custou a integridade física das minhas roupas, rs!
Hoje eu já separo o que vou vestir durante a semana, mas nem sempre foi assim e, na ânsia de deixar tudo passadinho, ligava o ferro de passar e tacava na roupa, sem verificar temperatura, ocasionando marcas de queimadura nas fibras (aquele brilho no tecido que não sai mais) e, pior, esburacando mesmo por conta do ferro quente.
Depois de alguns episódios, há alguns anos eu aproveitei os pontos do cartão de crédito e troquei por um steamer, ou vaporizador de roupas. Era um modelo de chão, que você pendura a roupa nele mesmo, num suporte, coloca água no compartimento, liga e espera o vapor quente sair. Foi a solução para alisar algumas roupas previamente passadas, amarrotadas de uso ou de guardadas, além das peças de tecidos mais delicados.
O que eu tinha é da SteamFast e, sinceramente, era beeem ruim: frequentemente ele parava de soltar o vapor e eu tinha que esperar voltar, além de encher as roupas de água, deixando tudo úmido.
A tia de Igor desapegou desse modelo portátil da marca Conair, fui testar meio descrente…mas fui positivamente surpreendida!
vaporizador-roupas-moda-pe-no-chao

E como funciona?

Achei o modelo ergonômico e bem potente, o vapor fica contínuo quando apertamos o botão, usamos em várias peças sem precisar colocar água logo. Tem que esperar a luz verde acender para indicar o uso e vem com três tipos de bocais, um com uma proteção deixando o vapor mais “suave” e outro com uma espécie de escova.
Testei numa blusa amassada de uso, pendurada na minha arara, e ele deixou o tecido lisinho. Aprovadíssimo! Acredito que não tenha contra indicações em tipos de fibras, já usei até pra desamassar peças em PU.
Não acho que funciona para tecidos muito espessos, como jeans, linho e algodão muito encorpado, ou para passar camisas sociais muito amassadas – rolou muito bem em tecidos mais finos ou camisas previamente passadas, que você só queira desamassar e tirar vincos. É rápido e a vantagem é que não existe a chance de queimar a fibra, pelo contrário! Muito mais seguro para a roupa. Só é preciso ter cuidado no manuseio para não colocar a mão ou dedos próximos porque esse vapor queima!
vaporizador-roupas
Eu já tinha testado outro no mesmo estilo, só que um modelo mais em conta que esse, mas não tinha curtido tanto. A parte triste é que, pesquisando online, descobri que esse da Conair custa mais de R$400 reais, OUCH! Bem caro, mas se você for como eu, que precisa de praticidade e eficiência, pode ser um bom custo x benefício. Além disso, como é compacto, dá para guardar de boa no armário, coisa que o meu de chão não permite, é um trambolho no canto do quarto.
Eu ainda uso o ferro de passar para tecidos mais encorpados, mas a real é que tenho usado muito meu steamer. Considero um item bacana até para viagens, apesar dele ser um pouco pesadinho. Ele não é bivolt, observe isso antes de ligar em tomadas 220v se o seu for 110v.
Outro fator positivo é que esse produto também higieniza as fibras, o que é ótimo para prolongar o uso delas sem precisar lavar muitas vezes. Também é indicado para higienizar estofados, cortinas, colchões, almofadas, lençóis, travesseiros e muito mais, eliminando ácaros e percevejos e tirando os odores de mofo e de roupa guardada.
Meu veredito é que vale a pena, MUITO!

Alguém aqui recomenda outras marcas e modelos? Conta aí nos comentários, para dar mais alternativas 🙂

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

6 comentários

  1. Leticia comentou:

    Ana, tenho um steamer de piso da Arno e funciona muito bem. Até deixei de usar a tábua e o ferro de passar.
    Só que realmente ele não deixa perfeito tecidos de algodão mais encorpados, mas não sou tão exigente. Vale muito pela praticidade.

  2. Maria Elena comentou:

    Oi Ana!
    Eu tenho um da Black & Decker e ele é meu salva vidas! Para roupas mais grossas acaba demorando um pouco para alisar, nós usávamos na farda de Bombeiro Militar do meu irmão e ficar bem passadinha.
    Eu adoro porque tira os cheirinhos de uso da roupa, sempre passo uma misturinha caseira de água, álcool e sabão de coco e uso ele por cima para a roupa ficar cheirosa novamente.
    Eu super recomendo!

    1. Kelly Cristina respondeu Maria Elena

      Acabei de adquirir um também da B&D e me surpreendi, realmente ele demora um pouco mais pra peças mais encorpadas, mas nem se compara com o trampo do ferro de passar, né não?!!

      1. Maria Elena respondeu Kelly Cristina

        Com certeza Kelly!
        Eu uso o ferro de passar para situações muito específicas.
        Roupa amassa e é normal e o vaporizador é a melhor opção para isso.
        Além de tudo é mais econômico no uso da energia e de tempo!
        Abração!

  3. Lu Monte comentou:

    Tive um de viagem da Samsonite. Era ótimo (e bivolt), mas o bocal era pequenininho e o reservatório dava pra duas peças. Depois de uns anos, doei e comprei um grande, da Singer, que é excelente. Quase não uso mais porque decidi que passar roupa é supérfluo, hahaha, mas quando preciso, ele não me deixa na mão.

    1. Maria Elena respondeu Lu Monte

      Oi Lu!
      Não sabia que tinha opção de viajem! Vou procurar pois em viagem eu passo roupa no vapor do banho aliado com o secador de cabelo rss!
      Abraço!